Por que os planetas são redondos?

~4 min
Por que os planetas são redondos?

Uma esfera é uma forma comum para planetas. Os asteroides têm uma variedade maior de formas – alguns se assemelham a patinhos de borracha ou ossos de cachorro. Por que os planetas não podem ser assim? Vamos descobrir.

Índice

Por que todos os planetas são redondos?

Os planetas são redondos devido à forma como a gravidade os forma. Eles nascem a partir de partículas de gás e poeira dispersas orbitando uma estrela. Devido à gravidade, as partículas se atraem e formam aglomerados que vão crescendo até coletarem todo o material em seu caminho.

À medida que as partículas colidem, elas aquecem e se transformam em um líquido, e a força gravitacional as puxa para o centro de um planeta. Como a gravidade atrai a matéria igualmente de todas as direções, o material fundido forma uma esfera, não um cubo ou um tetraedro. É por isso que os planetas têm uma forma redonda.

Por que os planetas são redondos e os asteroides não?

A forma de um objeto espacial depende de sua massa: quanto maior, mais a sua própria gravidade o molda em uma forma mais redonda. Os asteroides são menores que os planetas, e sua atração gravitacional é muito fraca para suavizar as formas. A propósito, é assim que você consegue diferenciar planetas anões de asteroides: um dos critérios principais é que eles precisam ser grandes o suficiente para permanecerem esféricos.

Por que a Lua é redonda?

Nosso satélite natural é esférico porque é massivo e tem gravidade suficiente para ficar redondo. As luas galileanas – Io, Europa, Ganimedes e Calisto – também são redondas pelo mesmo motivo. No entanto, as luas podem ter formas irregulares: por exemplo, as luas marcianas Fobos e Deimos se assemelham a asteroides por serem pequenas; e sua gravidade é insuficiente para torná-las esféricas.

Os planetas são perfeitamente redondos?

Nossos planetas não têm formas perfeitas. A verdade é que eles não ficam apenas pendurados no espaço, eles giram em torno de seus eixos. É aqui que a força centrífuga entra em ação. Ela empurra a massa externa pra fora enquanto a gravidade puxa tudo para dentro. Esse confronto “esmaga” os planetas, tornando-os mais largos ao redor do equador; a largura extra é chamada de protuberância equatorial. Assim, os planetas não são perfeitamente redondos: eles têm a forma de um esferoide oblato.

Quanto mais rápido um planeta gira, mais plano ele fica nos polos e mais largo no equador. Saturno é o planeta mais achatado do Sistema Solar: como ele gira mais rápido que todos os outros, sua protuberância equatorial é a mais espessa. Mercúrio e Vênus, pelo contrário, são os mais redondos de todos.

Perguntas frequentes

Qual planeta é o mais redondo?

Os planetas não são perfeitamente redondos. À medida que eles giram em torno dos eixos, eles ficam mais planos nos polos e mais largos no equador. Quanto mais rápido o planeta gira, mais oblato ele é. Vênus e Mercúrio são os planetas mais esféricos porque giram mais devagar.

Qual a forma das órbitas dos planetas?

Os planetas têm órbitas quase circulares, ao contrário dos cometas que se movem em elipses excêntricas.

Qual é a forma do Sistema Solar?

Antigamente, acreditava-se que a heliosfera (ou a “bolha” de vento solar que cerca os planetas do nosso sistema) tinha a forma de um cometa. No entanto, um estudo recente sugere que pode parecer um croissant (ou um camarão).

Quem descobriu que a Terra é redonda?

A ideia de uma Terra redonda foi introduzida por volta do século V a.C. pelo filósofo grego Pitágoras (570-495 a.C.). O primeiro a propor evidências reais foi Aristóteles (384-322 a.C.), que mencionou que a sombra que a Terra projeta sobre a Lua é redonda. Com base nessa teoria, Eratóstenes (276-194 a.C.) calculou a circunferência da Terra usando duas hastes e ficou muito próximo dos números que os cientistas modernos obtiveram posteriormente usando equipamentos sofisticados.

Como provar que a Terra é redonda?

Quando você sobe em uma árvore ou chega ao último andar de um arranha-céu, você vê mais objetos à distância à medida que as partes ocultas pela curvatura do planeta são reveladas. Se a Terra fosse plana, você seria capaz de ver claramente até a borda do mundo a partir de qualquer ponto. Encontre mais maneiras de provar que a Terra é redonda em nosso artigo.

O que os terraplanistas pensam de outros planetas?

Alguns terraplanistas assumem que os planetas são realmente redondos, mas a Terra simplesmente não é um planeta e, portanto, não precisa ser esférica. Diferentes comunidades do movimento têm suas próprias ideias sobre o assunto. Eles apenas concordam que a Terra é plana; a verdade sobre o resto dos planetas ainda está para ser descoberta.

Resumindo: os planetas são esféricos porque, quando se formam, a matéria é distribuída uniformemente ao redor do centro devido à gravidade. Eles não são perfeitamente esféricos: alguns são mais redondos que outros, mas, em geral, têm a forma de um esferoide oblato.

Crédito Texto:
Crédito de imagem:Vito Technology, Inc.
Trustpilot