Observação de astros esta noite: os planetas e o distanciamento do NEOWISE

~4 min
Observação de astros esta noite: os planetas e o distanciamento do NEOWISE

Vamos começar a última semana de julho com os últimos Destaques da Astronomia. Leia mais para saber sobre os próximos eventos astronômicos e os planetas que valem a pena observar esta noite. E é claro que não vamos deixar de falar do famoso cometa NEOWISE, que se reduziu a um alvo para binóculos.

Mercúrio fica mais baixo

O pequeno e ágil Mercúrio que estava na sua maior elongação ocidental na semana passada vai cair um pouco mais todas as manhãs à medida que desce em direção ao Sol. Procure o planeta posicionado bem baixo no céu a leste-nordeste, entre cerca de 05 e 05:30 no seu fuso horário local.

Vênus se encontra com a Estrela Rubi

Quem levanta bem cedinho se surpreendeu com Vênus extremamente brilhante, que vai subir no leste às cerca de 03:00 no horário local esta semana e permanecer visível até o amanhecer enquanto subir no céu. Na sexta-feira, 31 de julho, Vênus estará posicionado perto do canto superior esquerdo da Estrela Rubi (119 Tauri). Essa é uma estrela gigante, pulsante, variável, que está envelhecendo e que brilha com uma cor vermelha profunda. A dupla estará visível com binóculos e telescópios amadores até o céu começar a clarear.

Como encontrar Urano

Com a cor azul-esverdeada, Urano está subindo pouco depois da meia-noite no horário local esta semana. Ele está visível a olho nu e com binóculos no céu escuro. Procure o planeta gigante gelado de magnitude 5,8 posicionado no sul de Áries, abaixo de suas estrelas mais brilhantes, Hamal e Sheratan.

Missões a Marte

Marte está cada vez maior em tamanho do disco e brilho, porque a Terra está viajando em sua direção neste verão boreal. Marte é um dos principais interesses de estudo científico neste mês:

  • Os Emirados Árabes Unidos lançaram a sonda Hope a Marte em 19 de julho;
  • A China lançou sua própria sonda Tianwen-1 com um rover a Marte em 23 de julho;
  • A NASA pretende lançar o rover Perseverance a Marte em 30 de julho.

Netuno antes do amanhecer

Ofuscado e distante, Netuno está localizado a oeste de Marte, entre as estrelas de Aquário oriental. O planeta sobe aproximadamente às 22:30 no horário local e, em seguida, sobe mais alto até pouco antes do amanhecer, quando é possível vê-lo com mais clareza, na metade do céu austral. Mas tenha em mente que Netuno é difícil de localizar sem um telescópio computadorizado.

Saturno e Júpiter deslumbrantes em julho

Os planetas noturnos são mais fáceis de ver – Saturno e Júpiter! Um pouco ofuscado, Saturno está tingido de amarelo e perseguindo o mais brilhante e branco Júpiter pelo céu noturno – arrastando-se entre as estrelas de Sagitário oriental. Na semana passada, a Terra passou entre Saturno e o Sol, colocando-nos no ponto mais próximo do planeta gigante em 2020. Ainda é uma visão espetacular em telescópios amadores.

Até mesmo um telescópio pequeno mostrará os anéis de Saturno e várias de suas luas mais brilhantes – especialmente a sua maior lua, Titã! Durante esta semana, no final da noite, ela vai migrar no sentido anti-horário ao redor de Saturno, movendo-se do canto superior direito do planeta para o canto inferior esquerdo noite após noite.

Júpiter já estará brilhando intensamente no céu oriental ao anoitecer. Bons binóculos revelarão quatro grandes luas galileanas de Júpiter enquanto dançam ao redor do planeta. Até mesmo um telescópio de tamanho modesto mostrará as faixas equatoriais marrons de Júpiter e a famosa Grande Mancha Vermelha (ou GMV, para abreviar) se não estiver ventando. Devido ao período de rotação de 10 horas de Júpiter, a GMV aparece a cada segunda ou terceira noite a partir de determinado local na Terra.

Cometa NEOWISE não tão brilhante

Depois de dar um show emocionante por duas semanas, o cometa C/2020 F3 NEOWISE passou a Terra no seu caminho de volta para fora do sistema solar – talvez para voltar daqui a cerca de 6000 anos. A distância cada vez maior do cometa em relação à Terra e a redução contínua no aquecimento pelo Sol estão ambas fazendo com que o brilho do NEOWISE fique cada vez mais apagado. Ele permanecerá visível por binóculos e telescópios por mais umas duas semanas, e então se tornará um alvo somente para telescópios depois de meados de agosto.

Esta semana, o cometa NEOWISE só se tornará visível quando o céu iluminado pela lua escurecer o suficiente para permitir a visualização de seu brilho fraco. Então, ele será levado cada vez mais para baixo por várias horas à medida que a Terra gira. O cometa estará no céu abaixo e entre a estrela Alkaid no fim da alça do Grande Carro e a estrela muito brilhante Arturo. Encontre a posição exata do cometa e mais informações sobre ele usando o Star Walk 2. Procure “NEOWISE”, toque no nome do cometa na parte inferior do mapa do céu e, em seguida, toque na seção “Figuras” para ver os horários de nascimento e poente, a distância atual da Terra etc.

Crédito Texto:
Crédito de imagem:Vito Technology

Star Walk 2

Star Walk 2 logotipo
Baixar na loja de aplicativos
Obtê-lo no Google Play