Mercúrio, Júpiter e Saturno se encontram no céu noturno

~3 min
Mercury, Jupiter, and Saturn Meet Up in the Evening Sky in January

O raro trio planetário formado por Mercúrio, Júpiter e Saturno enche de elegância o céu noturno. No artigo de hoje, vamos contar para você como, quando e onde observar esse evento astronômico espetacular, e explicamos por que ele é tão especial.

O que é um trio planetário?

Como o termo indica, um trio planetário é formado por três planetas que se situam dentro de um círculo com um diâmetro inferior a 5 graus. Neste caso, os binóculos serão bastante úteis, já que os binóculos comuns têm um campo de visão de 5 graus ou mais. O trio planetário formado por Mercúrio, Júpiter e Saturno em janeiro será o primeiro de dois trios que ocorrerão em 2021: o segundo será em 13 de fevereiro de 2021, quando Mercúrio, Vênus e Júpiter estarão reunidos no céu matinal.

Além disso, este é o primeiro de quatro trios planetários que ocorrerão na década que vai de 1 de janeiro de 2021 até 31 de dezembro de 2030. As pessoas que gostam de observar o céu também terão uma oportunidade de ver a linda dança de três planetas — Mercúrio, Marte e Saturno — em 20 de abril de 2026. Por fim, o último trio planetário da década ocorrerá em 16 de junho de 2028: dessa vez, ele será formado por Mercúrio, Vênus e Marte.

Como e quando observar o trio planetário formado por Mercúrio, Júpiter e Saturno?

Pela primeira vez desde outubro de 2015, os observadores terão uma oportunidade de testemunhar um trio planetário, entre 8-11 de janeiro de 2021: ver Mercúrio, Júpiter e Saturno brilhando próximos um do outro, baixos, no céu noturno. Para que se tenha uma vista melhor desses planetas, procure um local com horizonte aberto e comece sua observação nos primeiros 45 minutos depois do pôr do sol. Infelizmente, o brilho do pôr do sol pode interferir com a observação, ofuscando os planetas — use binóculos para identificá-los.

A sensacional conjunção maravilhosa de Júpiter e Saturno ocorrida em 21 de dezembro de 2020; mesmo depois desse dia, os gigantes gasosos permanecem próximos um do outro. O célere planeta Mercúrio irá juntar-se a Saturno em 9 de janeiro de 2021: sua conjunção ocorrerá às 21h14 no horário de Londres na constelação de Capricórnio. Mercúrio brilhará com uma magnitude -0,9 e Saturno, com seus anéis, estará em uma magnitude 0,6. Pouco depois, em 11 de janeiro, às 11h06 no horário de Londres, Mercúrio fará uma aproximação do radiante planeta Júpiter, cuja magnitude será -1,9.

Mercúrio, Júpiter e Saturno surgirão em sua proximidade máxima em 10 de janeiro de 2021, às 19h00 no horário de Londres. Os planetas estarão situados dentro de um círculo com um diâmetro de 2,5 graus. Você conseguirá apreciar esse trio espetacular ao longo de vários dias, por quase uma semana, dependendo de seu campo de visão. Depois disso, Mercúrio alcançará gradualmente seu maior alongamento oriental no dia 24 de janeiro de 2021, e será perfeitamente observável nas semanas seguintes. Enquanto isso, os gigantes gasosos Júpiter e Saturno logo desaparecerão do céu noturno.

A maneira mais fácil de encontrar Mercúrio, Júpiter e Saturno no céu sobre sua cabeça é usando o app Star Walk 2. O guia de observação estelar também ajudará você a conferir os horários de nascente e poente dos planetas, determinar o melhor horário para observação, conforme sua localização, e apreciar as estrelas e constelações a seu redor.

Felizes observações!

Crédito Texto:
Crédito de imagem:Vito Technology
Star Walk 2 logotipo

Star Walk 2

Baixar na loja de aplicativos
Obtê-lo no Google Play