O que ver no céu esta semana: sugestões de astros para observar

~3 min
O que ver no céu esta semana: sugestões de astros para observar

A última semana de verão chega com novos eventos astronômicos espetaculares. É o melhor momento para observar a Lua depois do jantar, pois ela vai dançar com planetas gigantes gasosos no fim da semana. Marte está luminoso, Mercúrio é visível após o pôr do sol e Vênus brilha com esplendor antes do amanhecer. Continue lendo para saber mais sobre os eventos astronômicos memoráveis de 25 a 30 de agosto de 2020.

Os planetas da semana

Em 17 de agosto, o pequeno e ligeiro Mercúrio alcançou a conjunção solar superior, passando pelo Sol no lado mais distante do Sistema Solar. Ele se tornará visível outra vez no céu ocidental pós-pôr do sol esta semana – mas o ângulo baixo da eclíptica da noite vai manter Mercúrio muito próximo do horizonte para todos os habitantes das latitudes médio-setentrionais. Se você o vir de perto do equador, ou do Hemisfério Sul, Mercúrio fará um espetáculo para você em setembro! Se topar procurá-lo, a melhor oportunidade será em torno das 20:15, horário local.

O outro planeta interno, Vênus, extremamente brilhante, vai nascer no leste-nordeste às cerca de 2:50 do horário local esta semana, e vai permanecer visível até o amanhecer. Visto num telescópio amador, Vênus estará iluminado pela metade. Esta semana, Vênus estará viajando para o leste através das estrelas de Pólux, gêmea oriental de Gemini. Aprecie a vista de Órion situado bem à direita de Vênus no céu escuro antes do amanhecer.

Para quem gosta de observar planetas à noite, os gigantes gasosos vão roubar a cena! À medida que o céu escurecer após o pôr do sol, Júpiter muito brilhante e branco aparecerá à vista primeiro, baixo no céu à sudeste – com Saturno mais apagado e amarelado posicionado à sua esquerda. Além disso, Júpiter e Saturno se encontrarão com a Lua neste fim de semana.

Marte avermelhado está cada vez maior em tamanho do disco e brilho nos últimos dias, porque a Terra está viajando em sua direção – até outubro. Esta semana, o planeta vermelho vai nascer no leste logo após as 22:00 no seu fuso horário. Nada perto de Marte é tão brilhante, nem tão vermelho! Esta semana, ele vai cruzar o estreito “V” de estrelas modestas na parte inferior da constelação de Peixes.

Esta semana, Urano verde-azulado vai nascer às cerca de 22:30 na hora local. Apesar da distância, ele é visível a olho nu e com binóculos no céu escuro. Procure o planeta de magnitude 5,7 posicionado no sul de Áries, perto das estrelas Hamal e Sheratan.

A Lua visita estrelas brilhantes e gigantes gasosos

Esta será uma semana fantástica para apreciar a vista da Lua em todo o mundo. Nosso satélite natural alcança oficialmente a sua fase de quarto crescente na terça-feira. No quarto crescente, a Lua sempre nasce ao redor do meio-dia e se põe em torno da meia-noite, por isso também é visível no céu da tarde, durante o dia.

Na terça-feira à noite, a Lua vai brilhar acima da cintilante estrela vermelha Antares e das três pequenas estrelas brancas que marcam as garras do escorpião: Acrab, Dschubba e Fang. Nas noites de quarta e quinta-feira, a Lua gibosa (ou seja, mais da metade iluminada) passará pelo Serpentário e repousará acima do asterismo de Sagitário em forma de bule. O encontro mensal da Lua com os planetas gigantes gasosos, Júpiter e Saturno, começará na sexta-feira à noite. Acompanhe as nossas notícias para não perder esse evento espetacular!

Aproveite o aplicativo astronômico Star Walk 2 para saber quando a Lua e os planetas nascem e se põem e onde procurá-los no céu acima de você.

Boas observações!

Crédito Texto:
Crédito de imagem:Vito Technology

Star Walk 2

Star Walk 2 logotipo
Baixar na loja de aplicativos
Obtê-lo no Google Play