Superlua Negra

Nesta semana, a chamada Superlua Negra irá agraciar o céu noturno, fazendo das noites quentes no hemisfério norte o melhor momento para observar as estrelas!

O termo ‘lua negra’, assim como ‘lua azul’, não tem nada a ver com a sua cor. Tal nome provém do folclore e não tem nenhuma ligação com o termo astronômico. Na verdade, refere-se ou à segunda de duas Luas Novas no mesmo mês do calendário ou à terceira numa mesma estação do ano com quatro Luas Novas.

Na quarta-feira, 31 de julho, ou na quinta-feira, 1º de agosto, às 03:13 UTC (dependendo do seu fuso horário), a Lua Negra marca a segunda Lua Nova de julho ou a primeira de duas Luas Novas de agosto e, na verdade, não vai parecer muito diferente de uma Lua Nova normal. Seja como for, essa Lua Nova também é uma Superlua. Isso significa que essa Lua Nova ocorre no momento em que está mais próxima à Terra, o que faz com que ela pareça maior.

Desta vez, a Lua está quase diretamente entre a Terra e o Sol, e vemos exatamente o lado oposto da Lua ao que é iluminado pelo Sol. Portanto, esse tipo de “superlua” é invisível da Terra, porque a metade que vemos não é iluminada.

A propósito, esta Superlua Negra torna o céu ideal para conferir as chuvas de meteoro atualmente ativas. Felizmente para nós, o luar não irá interferir no espetáculo celestial e os observadores vão poder ver mais “estrelas cadentes” neste ano.

Boa caça!

Crédito Texto:
Crédito de imagem:Vito Technology

Star Walk 2 Free

Star Walk 2 Free logotipo
Baixar na loja de aplicativosObtê-lo no Google Play